Notícias do TST

null Definidos integrantes do comitê de combate aos assédios moral e sexual no TST

Objetivo é que colegiado atue na prevenção dos assédios e na conscientização sobre o tema

20/05/2022 - As pessoas que integrarão o Comitê de Combate ao Assédio Moral e ao Assédio Sexual foram escolhidas pelo presidente do TST na última semana. O Ato TST.GP nº 197, publicado em 2 de maio, definiu como membros a ministra Morgana Richa, o juiz auxiliar da Presidência Luciano Athayde Chaves, a servidora Ekaterini Sofoulis Hadjirallis e a colaboradora do TST Iracy Barros da Silva Freitas.

O grupo atuará no âmbito do Tribunal e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT) para prevenir os assédios moral e sexual. Também vão conscientizar magistrados, servidores, prestadores de serviço e estagiários sobre a temática.

Comitê

O Comitê de Combate ao Assédio Sexual e ao Assédio Moral foi criado em 2018 e, em 2019, foi instituída a Política de Prevenção e Combate ao Assédio Moral no âmbito do TST e do CSJT, a partir da edição do Ato Conjunto TST.CSJT.GP nº 8.

(Juliane Sacerdote/GS)

Média (0 Votos)

Rodapé - Responsabilidade - SECOM


Conteúdo de Responsabilidade da
SECOM - Secretaria de Comunicação
Email: secom@tst.jus.br
Telefone: (61) 3043-4907