Notícias

null Ministro do TST Caputo Bastos inicia correição no TRT da 7ª Região (CE)

A correição será encerrada na sexta-feira (2/9), às 10h, quando será entregue relatório à Administração do TRT-7 (CE) com análise sobre os dados e desempenho do tribunal. 

Ministro Caputo Bastos e equipe da corregedoria são recebidos pela administração do TRT-7 (CE). (Foto: TRT da 7ª Região)

Ministro Caputo Bastos e equipe da corregedoria são recebidos pela administração do TRT-7 (CE). (Foto: TRT da 7ª Região)

30/8/2022 - O corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Caputo Bastos, iniciou, nesta segunda-feira (29/8), a correição ordinária no Tribunal Regional do Trabalho da 7ª Região (CE). Até o dia 2 de setembro (sexta-feira), o ministro e sua equipe de assessoras e assessores do Tribunal Superior do Trabalho (TST) irão examinar a movimentação processual, prazos, serviços e procedimentos judiciários e administrativos da Justiça do Trabalho do Ceará.

O ministro reuniu-se com a presidente do TRT-7, desembargadora Regina Gláucia Cavalcante Nepomuceno, e com a vice-presidente, desembargadora Fernanda Maria Uchoa de Albuquerque. Na sequência, o corregedor-geral e sua equipe conversam com servidoras e servidores responsáveis pelas unidades do TRT-7 (CE) envolvidas na correição ordinária, além de realizar uma reunião com as desembargadoras e desembargadores do tribunal.

Agenda institucional

Entre as atividades ao longo da semana, o ministro fará uma visita institucional à governadora do Estado, Izolda Cela, e visitará o Fórum Autran Nunes, onde estão localizadas as 18 varas do trabalho da capital. Também conhecerá a Secretaria de Execuções Unificadas, Leilões e Alienações Judiciais, o Centro Judiciário de Métodos Consensuais de Solução de Disputa (Cejusc – JT) e a Escola Judicial (Ejud-7).

O ministro Caputo Bastos também se reunirá com as pessoas interessadas para receber reclamações e sugestões que tenham por finalidade o aprimoramento dos serviços prestados pela Justiça do Trabalho. As audiências com o corregedor foram previamente agendadas, conforme edital divulgado, e será realizada nesta quarta-feira (31/8), das 9h30 às 12h.

Ação solidária

Na quinta, 1º de setembro, às 15h, o ministro Caputo Bastos fará a entrega dos alimentos arrecadados por meio da Campanha Corregedoria Solidária. Até o último levantamento feito, o TRT-7 já havia arrecadado mais 20 toneladas de alimentos, o equivalente a duas mil cestas básicas. 

A iniciativa da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho tem o objetivo de prestar apoio a instituições de amparo a pessoas em vulnerabilidade social e econômica nos estados sedes dos tribunais correicionados. A ação solidária trata-se de uma atividade voluntária promovida por magistrados e servidores dos tribunais, sem vinculação às atividades correicionais.

Como ajudar?

Os pontos de coleta da campanha ficam na sede do TRT-7 (CE), Fórum Autran Nunes, varas do trabalho da região metropolitana e do interior do Estado. Para quem não está no Ceará, é possível fazer doações em dinheiro por meio do Pix: 85991042877, do Sindicato dos Servidores da 7ª Região da Justiça do Trabalho  (Sindissétima).

Conclusões

A correição será encerrada na sexta-feira (2/9), às 10h, quando será entregue relatório à Administração do TRT-7 (CE) com análise sobre os dados e desempenho do tribunal. A leitura da ata de encerramento da correição ordinária ocorrerá na Sala de Sessões do Tribunal Pleno, na sede do TRT-7.

Conheça a Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho

Rodapé de Responsabilidade - CGJT - Corregedoria


Conteúdo de Responsabilidade da CGJT - Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho
Email: secg@tst.jus.br
Telefone Secretaria: (61) 3043-3776 e 3043-4135