Porteiro terceirizado obtém direitos coletivos iguais aos dos contratados diretamente pelo condomínio

Pelo princípio da realidade, a JT afastou as normas das empresas prestadoras de serviço.