Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

Computadores doados pelo TST ao Hemocentro interligarão hospitais do DF



O Tribunal Superior do Trabalho formalizou, nesta terça-feira (25), a doação de 50 computadores à Fundação Hemocentro de Brasília. O equipamento será utilizado na informatização e na interligação dos hospitais públicos do Distrito Federal e permitirá o monitoramento, em tempo real, por meio de código de barras, de todas as doações e transfusões de sangue realizadas na região. O termo de doação foi assinado na tarde de hoje pelo presidente do TST, ministro Barros Levenhagen, e pela diretora do Hemocentro, Beatriz Mac Dowell Soares.

A expectativa é de que, até o final do ano, todos os hospitais da rede pública do DF recebam, cada um, dois computadores que serão interligados diretamente com a central do Hemocentro. "Antes, a anotação da recepção do sangue nos hospitais era feita à mão", explica Beatriz Mac Dowell. "Com a mudança, eliminaremos isso. Teremos um controle online de todo o circuito do sangue, desde o doador até o receptor".

A diretora afirmou que os membros da fundação estão "emocionados e muito gratos" com a doação. "Não é fácil para nós, do serviço público, adquirirmos equipamentos para nos aparelharmos. Com esses computadores, implantaremos o sistema de código de barras, ampliando a segurança e evitando riscos de erros humanos", assinalou.

Os computadores doados estavam sem uso no TST. "O Tribunal tem o dever, como instituição republicana, de auxiliar a sociedade sempre que possível", destacou o ministro Levenhagen. "Estamos ainda mais felizes por vermos que a doação veio em boa hora. A contribuição é pequena perante a importância do trabalho realizado pelo Hemocentro".

(Paula Andrade/CF)

Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Secretaria de Comunicação Social
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4907
secom@tst.jus.br
Inscrição no Canal Youtube do TST