Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

TRT-BA inagura PJe-JT em 39 Varas do Trabalho

Após a implantação do Processo Judicial Eletrônico da Justiça do Trabalho (PJe-JT) nas 39 Varas do Trabalho de Salvador, o gestor nacional do projeto, desembargador Ricardo  Mohallem, a gestora regional, desembargadora Dalila Andrade, e o chefe do Núcleo de Suporte ao PJe, Orocil Pedreira, estiveram na 3ª Vara do Trabalho, que recebeu a primeira ação pelo novo sistema, para esclarecer mais detalhes do seu funcionamento.  O desembargador  Mohallem representou, na ocasião, o presidente do Tribunal Superior do Trabalho (TST) e do Conselho Superior da Justiça do Trabalho (CSJT), ministro Carlos Alberto Reis de Paula.

'O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-BA) está responsável pelo desenvolvimento de três funcionalidades do sistema nacional, que são a Central de Mandados, a de Execução e Expropriação e a de Penhora de bens', apontou o desembargador, ressaltando o bom trabalho da equipe baiana e o apoio que ela pode dar aos servidores e juízes do TRT-BA.

'Estamos acompanhando de perto cada procedimento no novo sistema, e tudo será divulgado em nosso Portal', afirmou a desembargadora Dalila Andrade, ao visitar também a 4ª Vara, que já recebeu novas ações pelo PJe.

A diretora da 3ª Vara, Gilmara Santos, disse que está animada com a possibilidade do fim dos processos físicos. 'É bom saber que um dia as prateleiras não estarão mais cheias'.

'O PJe uniu pessoas, servidores das varas de Santo Amaro ajudaram os de Candeias, depois vieram os de Itabuna e Ilheus, e agora todos eles treinaram os colegas de Salvador. O cronograma de treinamento realizado em semanas, com as simulações e testes, além do roteiro de tarefas, foram responsáveis pelo sucesso da implantação', concluiu a gestora regional.

(Fonte: TRT-5)