Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

Ministro Ives Gandra inicia correição ordinária no TRT-BA.



 

foto: Secom TRT5

Na abertura da correição, o ministro Ives Gandra (no centro da foto) se reuniu com

(da esquerda para a direita) os desembargadores Tadeu Vieira (vice-corregedor),

Vânia Chaves (presidente), Yara Trindade (vice-presidente) e Valtércio de Oliveira (corregedor regional)

 

Uma reunião com a Mesa Diretora do Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-BA) deu início aos trabalhos, na tarde desta segunda-feira (1º/4), da Correição Ordinária da Corregedoria Geral da Justiça do Trabalho (CGJT) no Tribunal. No encontro, realizado no Gabinete da Presidência (foto), em Nazaré, o corregedor-geral e ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST), Ives Gandra Filho, relembrou algumas das diretrizes que serão levadas em consideração pela CGJT, com objetivo de harmonizar as relações do Judiciário Trabalhista da Bahia.

 

''Além de verificar se há o respeito às normas procedimentais e administrativas do CNJ/CSJT, o corregedor tem o papel de relembrar ao Tribunal a necessidade de harmonia entre si e a 1ª instância, para que ele possa atuar como pacificador social'', afirmou o ministro Ives Gandra. Ele ressaltou ainda que estas diretrizes não se restringem ao TRT da Bahia, mas aplicam-se a todos os tribunais trabalhistas. ''Toda a atividade correcional é bem mais preventiva do que corretiva'', destacou.

 

Além da presidente da Casa, desembargadora Vânia Chaves, recepcionaram o ministro os desembargadores Yara Trindade (vice-presidente), Valtércio de Oliveira (corregedor regional) e Tadeu Vieira (vice-corregedor). Após a conversa com os magistrados, o corregedor-geral e sua comitiva conheceram as instalações da Escola Judicial do TRT-BA (fotos), na Sede Administrativa, onde foram recebidos pelo vice-diretor da entidade, desembargador Cláudio Brandão.

 

foto: Secom TRT5

 

PROGRAMAÇÃO - Pela agenda do ministro, entre outras atividades, está prevista para a manhã desta terça-feira (2) a recepção aos magistrados do 2º grau, na sede do Regional, em Nazaré. À tarde, das 14 às 18 horas, o corregedor-geral estará à disposição do público em geral, para tratar de assuntos referentes aos serviços prestados pelo Tribunal. Na quarta-feira (3), o ministro realizará uma audiência com juízes do 1º grau, às 15 horas, na sala da mesa diretora no 11º andar no Fórum do Comércio, além de encontros com representantes da OAB-BA, entidades sindicais, Associação de Magistrados e Ministério Público do Trabalho. 

 

Os trabalhos de correição prosseguirão até a próxima sexta-feira (5), quando será feita a leitura da ata pelo corregedor-geral, em audiência pública no Pleno do TRT-BA, em Nazaré.

 

Secom TRT5 (Lázaro Britto) - 1º/4/2013

Inscrição no Canal Youtube do TST