Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

TST doa ônibus para Instituto Federal de Goiás



O veículo será utilizado para visitas técnicas de alunos e professores a empresas e fazendas.

O Tribunal Superior do Trabalho doou, nesta sexta-feira (24), um ônibus para o Instituto Federal Goiano - Campus Urutaí. A iniciativa busca contribuir com a instituição, que presta relevantes serviços na formação de jovens para o mercado de trabalho, com ênfase na atuação em área rural.

A doação foi feita com base na legislação aplicável à transferência de bens móveis entre órgãos da Administração Pública. “Esta não é a primeira vez que doamos bens como ônibus e computadores para outras instituições. O TST tem adotado essa prática de ceder bens de qualidade, mas que não são mais utilizados por nós, para instituições públicas federais que precisam. Além de ser um serviço social importante, estimula também práticas sustentáveis”, explicou o presidente do TST, ministro Brito Pereira.

Recentemente, o TST adquiriu novos ônibus adaptados para pessoas com deficiência, e o veículo doado não estava mais sendo utilizado. A entrega foi feita na manhã desta sexta-feira (24) pelo presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 18ª Região (GO), desembargador Paulo Pimenta, ao diretor-geral do campus, Gilson Dourado da Silva.

O Campus Urutaí do IFGoiano oferece à comunidade cursos técnicos de ensino médio (agropecuária, biotecnologia e informática), cursos superiores (agronomia, engenharia agrícola e medicina veterinária), cursos superiores para formação de tecnólogos (ciência e tecnologia de alimentos, entre outros), cursos de pós-graduação e cursos a distância de Pedagogia. A instituição possui 2.376 alunos, dos quais 360 moram nas residências estudantis, e conta com estrutura física distribuída em 514 hectares, entre escolas e fazendas utilizadas como laboratório e pesquisa.

De acordo com o diretor do campus, o ônibus será utilizado no deslocamento para as atividades práticas e de extensão, como as visitas técnicas de alunos e professores a empresas e fazendas.

(IT/CF, com informações do TRT da 18ª Região)

Inscrição no Canal Youtube do TST