Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

Embrapa e sindicato assinam acordo sobre o reajuste salarial da categoria no TST

(Qui, 10 Nov 2016 20:00)



O Tribunal Superior do Trabalho homologou um acordo firmado entre o Sindicato Nacional dos Trabalhadores de Pesquisa e Desenvolvimento Agropecuário e a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) que prevê reajuste salarial de 8,28%.

Foi o próprio sindicato profissional que pediu a intervenção da Corte Trabalhista por meio da mediação e da conciliação pré-processual um mês antes de ajuizar o dissídio coletivo. A discussão, que começou no fim de junho de 2015, foi acompanhada pela vice-presidência do TST.

Além do reajuste salarial, ficou acordada a correção de 9,28% sobre os benefícios.  Os trabalhadores também conseguiram garantir fracionamento de férias para os empregados maiores de 50 anos, licença paternidade de 20 dias e auxílio para filhos ou dependentes com deficiência no valor de R$ 700.

O vice-presidente do TST, ministro Emmanoel Pereira, celebrou a decisão: "Esse é mais um acordo celebrado aqui no âmbito do TST, onde as partes nos procuraram e conseguimos mais uma negociação valorosa porque nós fechamos um acordo bom para as partes envolvidas."

 

 
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Coordenadoria de Rádio e TV
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4264
crtv@tst.jus.br