Publicador de conteúdo Publicador de conteúdo

Retornar para página inteira

Aeronautas, aeroviários e empresas discutem reajuste salarial no TST

(Qui, 23 Jun 2016 16:14:00)

 
Ocorreu nesta quarta-feira (22), no Tribunal Superior do Trabalho, a sessão de conciliação entre o Sindicato Nacional dos Aeronautas, o Sindicato Nacional dos Aeroviários e representantes das empresas de táxi aéreo para discutir o reajuste salarial da categoria.
 
Na reunião, aeronautas e aeroviários alegaram que tentam há nove meses negociar o reajuste salarial de 11% para repor as perdas com inflação.  No entanto, as empresas de táxi aéreo afirmaram que só podem arcar com reajuste salarial de 3,5% e que o momento não é de aumentar salários e sim de manter empregos.  Eles alegaram, ainda, que a crise econômica afeta o mercado de táxi aéreo e que, em quase dois anos, 700 trabalhadores foram demitidos.
 
Diante do impasse, o vice-presidente do TST, ministro Emmanoel Pereira, que presidiu a mediação, sugeriu que os representantes de empresas e empregados voltassem a suas bases e discutissem os percentuais de reajuste. As negociações serão retomadas em 20 dias. 
 
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Coordenadoria de Rádio e TV
Tribunal Superior do Trabalho
Tel. (61) 3043-4264
crtv@tst.jus.br